BAHIA NO AR
Roque Santhos




Roque Santhos
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

TST determina fim de greve dos Correios

O Tribunal Superior do Trabalho (TST) determinou nesta terça (11) que os trabalhadores dos Correios, em greve há 28 dias, voltem ao trabalho a partir de quinta-feira (13). No julgamento do dissídio coletivo pela Seção Especializada em Dissídios Coletivos (SDC), os ministros também autorizaram a empresa a descontar no salário dos grevistas o equivalente a sete dias de greve e os demais 21 dias de paralisação devem ser compensados com trabalho extra nos fins de semana. No caso de descumprimento da determinação, a multa diária estabelecida foi R$ 50 mil.

Cidades - Atualizado em 12/10/2011 07:26h

O relator do processo, ministro Maurício Godinho Delgado, considerou a greve não abusiva e sugeriu que todos os dias não trabalhados fossem apenas compensados com trabalho extra, e não com o desconto no salário dos trabalhadores. Já o presidente do TST, ministro João Oreste Dalazen, defendeu o desconto de todos os dias parados. Segundo ele, a legislação determina que a empresa não tem obrigação de pagar pelos dias em que os serviços não foram prestados, pois a greve implica em uma quebra de contrato entre empresa e trabalhadores.

Foto: Divulgação.Correios

 

A última greve dos Correios ocorreu em 2009 e durou 12 dias. A maior greve foi em 1994, quando os trabalhadores ficaram parados por 32 dias, e a questão também foi decidida pelo TST.

Redação com informações do Correio da Bahia

Comente
Comentários
+ Notícias

FOTOS
Francine Piaia a ex-participante do BBB
Todos os Direitos reservados ao BAHIA NOAR 2013 © | E-mail: contato@bahianoar.com | Desenvolvido pela Loup Brasil. Mais notícias.