Até o domingo (8), bioma da Amazônia já registou mais de 51 mil focos de queimadas

Foto: Divulgação

De janeiro até o dia 8 de setembro de 2019, o bioma da Amazônia acumulou cerca de 51.760 focos de queimadas; o que representa um aumento de 48%, em relação ao mesmo período de 2018, quando foram 34.995 focos. Só em setembro foram 4.935 focos registrados. As informações foram divulgadas pelo monitoramento de focos ativos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

Quando se considera todo o território nacional, o mês de setembro deste ano começou com menos focos ativos do que setembro de 2018. Até o dia 8, foram registrados 12.285 focos de queimadas, ante 17.705 nos mesmos dias do ano passado.

No acumulado do ano, de janeiro até 8 de setembro de 2019, foram 102.786 focos no Brasil, o que representa um aumento de 45% em relação aos 70.631 focos observados no mesmo período de 2018.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*