Atenção: Febre Amarela é descartada nos macacos em Salvador

Dez animais foram analisados

Após exames realizados pelo laboratório da Fundação Oswaldo Cruz, no Rio de Janeiro (Fiocruz-RJ), a presença da febre amarela em macacos capturados em Salvador neste ano foi descartada pelos primeiros resultados das amostras coletadas nos animais.

Dos 15 enviados, 10 animais já foram analisados. Após o Carnaval, a partir da quarta-feira de cinzas, os postos reabrem para continuar a vacinação contra a doença. Até o momento, foram encontrados 64 macacos mortos. Outros oito animais foram achados vivos, mas debilitados.

Casos no Brasil – Conforme balanço do Ministério da Saúde atualizado na quinta-feira (7 ), o número de casos confirmados da febre amarela chega a 353 e em 98 óbitos causados pela doença. Na Bahia, vinte e dois casos foram notificados.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*