Antes de entrar na Escola Estadual Raul Brasil, o airador Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, roubou um carro em frente a uma concessionária de veículos que fica próxima à escola. Na ação, ele atirou em seu tio, Jorge Antonio Moraes, que é dono do local. O homem foi levado ao hospital em estado grave, mas não resistiu ao ferimento e morreu

Segundo relatos de moradores à Veja, a Escola Raul Brasil foi a segunda em que os dois tentaram entrar. Primeiro, eles se dirigiram ao Colégio Rodrigues de Almeida, que estava fechado. A unidade onde aconteceu o crime permanece aberta porque lá também há uma escola de idiomas para a comunidade.

0 0 voto
Article Rating