Nesta quinta-feira (28) o Datafolha, através do jornal “Folha de S.Paulo”, divulgou uma nova pesquisa que aponta percentuais de aprovação e reprovação do governo do presidente Jair Bolsonaro. Para 43% a gestão federal foi definida como “ruim/péssimo” e 33% avaliaram como “ótimo/bom”. Outros 22% afirmaram ser “regular” e 2% “não souberem/não responderam”.

A pesquisa foi  realizada em meio à crise da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), poucos dias após a divulgação pelo Supremo Tribunal Federal (STF) de um vídeo da reunião ministerial, datada em 22 de abril. A referida gravação faz parte de um inquérito que investiga a suposta interferência de Bolsonaro na Polícia Federal (PF), após acusações do ex-ministro da Justiça, Sergio Moro.

Durante o levantamento foram ouvidas 2.069 pessoas, maiores de idade, por telefone, no período da segunda (25) até a terça-feira (26). A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais.

Análise

Esse índice de reprovação (43% ) dos entrevistados é o valor mais baixo, conforme mostra os levantamentos Datafolha feitos desde o início do mandato do presidente. Na pesquisa anterior, em 27 de abril, os resultados foram: 38% “ruim/péssimo”, 33% “ótimo/bom”, “regular” 26% e 3% “não souberam/ não responderam”.

Já um outro levantamento do Datafolha, realizado entre os dias 1º e 3 de abril, mostrava um cenário parecido com o último. No entanto, a reprovação do mandatário brasileiro era maior: 39% “ruim/péssimo”, 33% “ótimo/bom”, 25% “regular” e 2% “não souberam/ não responderam”.

0 0 voto
Article Rating