Brasileiro fatura ouro na China e se torna o nadador mais velho a ser campeão mundial

Aos 38 anos, o atleta chega a segunda conquista da prova, ele havia vencido em 2012

O brasileiro Nicholas Santos surpreendeu o mundo da natação mais uma vez, neste sábado, em Hangzhou, na China, no Mundial de piscina curta. O brasileiro conquistou o ouro nos 50m borboleta e se tornou o nadador mais velho da história a ser campeão Mundial. Aos 38 anos ele chega ao segundo ouro na prova, ele havia vencido em 2012. O atleta cravou o tempo de 21s81 para ficar com o ouro.

Ainda ofegante, Nicholas vibrou e sorriu com a segunda medalha de ouro na carreira nesta prova. Esta foi a segunda medalha do dia para o nadador que havia integrado o revezamento 4x50m medley, que foi bronze.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*