A Secretaria de Desenvolvimento Social e Cidadania (Sedes), por meio da Coordenadoria de Proteção Social Especial (CPE), promoveu na manhã desta quinta-feira (18/7), no Teatro Alberto Martins, o 2° Fórum de Medidas Socioeducativas em Meio Aberto de Camaçari, realizado pelo Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS).

As medidas socioeducativas são aplicadas aos adolescentes que cometeram ato infracional, com o objetivo de desenvolver ações de reconstrução de projetos de vida. O evento contou com diversos profissionais da área, com o intuito de ampliar e aprofundar o debate sobre as medidas socioeducativas em meio aberto no município.

Com o tema “Plano municipal de atendimento socioeducativo em meio aberto: uma responsabilidade de quem?”, a palestrante Carla Andrade Barreto, promotora de Justiça da Infância e Juventude de Camaçari, trouxe uma reflexão aos presentes: “A socioeducação em meio aberto é dever prioritariamente do município. É uma política que envolve várias secretarias”.

0 0 voto
Article Rating