Camaçari: PR flerta com Elinaldo e aguarda boa vontade do gestor

A presidente do partido, Cristiane Bacelar, nega que tenha fechado apoio da legenda ao governo municipal.

O comando da Secretaria de Saúde nas mãos de Elias Natan, a manutenção de duas cadeiras na Câmara Municipal, com Gilvan Souza e Niltinho Maturino, e o voto no candidato do prefeito a presidente da Casa Legislativa, Oziel Araújo (PDSB), já seriam motivos suficientes para indicar o flerte do Partido da República (PR) com o governo do prefeito de Camaçari, Antonio Elinaldo (DEM).

No entanto, a presidente do PR, Cristiane Bacelar, nega que tenha fechado apoio da legenda ao governo municipal. “Não sentei com ele [Elinaldo] ainda para conversar. Os acordos dele foram individuais com os vereadores”, revelou a dirigente partidária.

Apesar disso, outros aspectos confirmam a tese do flerte e o desejo de ampliação do espaço na gestão do democrata. A própria presença entusiasmada da dentista e presidente municipal do partido na cerimônia de posse do gestor, a destacada participação na Sesau da nutricionista e candidata a vereadora no último pleito eleitoral, Gabriela Mendes, e a colaboração do engenheiro e dirigente partidário, Ramon Cruz, ao líder da Sesau, configuram, no mínimo, acenos significativos para o governo.

Reforçando a parceria e coro para que a gestão acerte está o vereador Gilvan, que admite o convite para compor o governo e confirma a dedicação a administração municipal. “Estamos ajudando a gestão sim. Mas, realmente não sentamos partidariamente para conversar. Estamos aguardando abril, como o prefeito disse para a cidade. Vamos conversar e discutir os espaços em abril”, afirmou.

Flerte ou não. Certo mesmo é que o PR entrou de cabeça na gestão e só espera a boa vontade do prefeito para ser fortalecido.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*