Câmara: conselheiros pedem ajuda para resolução de problemas nas eleições do Conselho Tutelar de Camaçari

Foto: Dani Oliveira / Bahia No Ar

Na manhã desta quinta-feira (12) alguns conselheiros e candidatos que estão pleiteando uma vaga ou reeleição no Conselho Tutelar de Camaçari, sede e orla, estiveram na sessão da Câmara Municipal, no Teatro Alberto Martins, para solicitar auxílio dos vereadores com relação a próxima eleição do órgão, que ocorrerá no dia 06 de outubro.

Em conversa com o BNA, o conselheiro e candidato à reeleição, Leonardo Oliveira, explicou que no início da manhã eles foram surpreendidos com a notícia de que só haveriam votações para eleger os novos conselheiros em localidades da sede de Camaçari, ou seja, os votantes da orla terão que se deslocar para a sede municipal, caso desejem efetivar o direito de voto, que neste caso especifico, não é obrigatório.

De acordo com Leonardo, essa medida, irá diminuir a quantidade de votantes e, consequentemente, a importância da eleição. Segundo ele, no pleito passado, foram mais de 4 mil eleitores.

Por fim, Leonardo salientou que eles estão entrando com uma representação no Ministério Público e que a denúncia se refere não só a questão geográfica, mas também a forma como será realizada a votação. Os candidatos e conselheiros asseguram que a utilização da urna eletrônica é inviável.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*