Dados divulgados pela Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab), mostram que os casos de pessoas com Aids, doença causada pelo vírus HIV, reduziram 60% na Bahia, entre os anos de 2017 e 2018.

Segundo o estudo, ano passado o estado registrou um número menor do que a metade registrado em 2017, com 736 e 1.817 casos, respectivamente. Em 2017, só em Salvador 732 pessoas descobriram a doença. Feira de Santana aparece em segundo lugar, com 144 casos. No ano seguinte, Salvador continuou em primeiro lugar, com 313 casos, seguido por Feira, com 54.

Apesar de ainda não existir um número confirmado de dados desde ano, a Sesab já informou que 834 novos casos da doença já foram registrados no estado. A maior parte em Salvador, que contabilizou 404.

0 0 voto
Article Rating