Cesta da Páscoa: Prefeitura de Candeias erra no planejamento e expõe pessoas à contaminação do Covid-19

Na Escola Julieta Viana, um grande grupo de pessoas descumpriu a medida de isolamento social e se amontoou para pegar a cesta.

Foto: Reprodução

A entrega da cesta de Páscoa não saio como o planejado pela Prefeitura de Candeias. Mesmo com um cronograma de entrega que pretendia atender a população por ordem alfabética, o que se viu nesta quinta-feira (9) foi totalmente ao contrário.

De acordo com vídeos enviados pelos ouvintes do programa Bahia No Ar, dezenas de pessoas se aglomeraram em um dos pontos de entrega, gerando grande confusão e insatisfação, além de pôr em risco a saúde de todos em meio a pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Na Escola Municipal Julieta Viana, um grande grupo de pessoas descumpriu a medida de isolamento social e se amontoou para pegar a cesta. Nenhum critério para entrega foi seguido neste momento e o veículo saiu do local sem concluir o programado.

Em outro vídeo, novamente moradores aglomerados reclamavam da falta da cesta de Páscoa que deveria ser entregue durante o dia. Eles aguardavam a resposta da Prefeitura em frente à Escola Julieta Viana, por volta das 21h. “Vocês pagaram R$ 500 mil no show de Belo e o povo de Candeias está passando fome. Mande o povo liberar a cesta pra gente”, disse uma das moradoras.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*