De acordo com informações divulgadas pela Folha, o teste realizado em um paciente, de 61 anos, com suspeita de Covid-19 (novo coronavírus) testou positivo para a doença. O caso foi registrado na terça-feira (25), em São Paulo.

A contraprova, conforme destacou a reportagem, também confirmou o caso. O homem, inclusive, já havia testado positivo para o vírus no Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo, e havia sido submetido ao teste de contraprova no Instituto Adolfo Lutz, cujo resultado deve ser anunciado nesta quarta-feira (26), pelo Ministério da Saúde.

Ontem (25), por meio de nota, o Ministério da Saúde salientou que o hospital “adotou todas as medidas preventivas para transmissão por gotículas, coletou amostras e realizou testes para vírus respiratórios comuns e o exame específico para SARS-CoV2, conforme preconizado pela Organização Mundial de Saúde”.

O homem chegou da Itália no último dia 21. Ele esteve na Lombardia (região mais afetada pela doença), em uma viagem a trabalho, entre os dias 9 e 21 de fevereiro.

Em decorrência disso, o Brasil passa a ser o primeiro país da América Latina com um caso confirmado do novo vírus que já matou cerca de 2.708 pessoas no mundo.

Caso suspeito

Um bebê, com menos de um ano, que esteve na Europa em viagem com a família, está sob investigação de contaminação pelo novo coronavírus, na cidade de Itabuna, no sul da Bahia. A criança encontra-se em isolamento no Hospital Manoel Novaes e a equipe médica segue os protocolos recomendados pelo Ministério da Saúde.

A investigação está sob responsabilidade da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab).

Ademais, um outro caso de contaminação pelo novo coronavírus foi descartado pela secretaria. Uma freira que foi até a Itália apresentou os sintomas, mas o resultado deu positivo para H1N1.

0 0 voto
Article Rating