CPI vai a Brumadinho para ouvir atingidos por barragem

Nesta segunda-feira (13), representantes das vítimas do rompimento da barragem da Vale em Brumadinho serão ouvidos por membros da CPI de Brumadinho da Câmara Federal. A audiência pública será feita no plenário da Câmara Municipal da cidade mineira, a cerca de 120 quilômetros de Belo Horizonte.

O encontro será realizado com a presença do deputado federal Júlio Delgado (PSB/MG), presidente da CPI de Brumadinho. Foram convidados ainda representantes do Ministério Público Estadual (MPE), Ministério Público Federal (MPF) e a Defensoria Pública, todos de Minas Gerais.

Foram convidados, ainda, representantes de familiares e funcionários da Vale e membros de grupos como “Eu luto, Brumadinho Vive”, “Movimento Águas e Serras de Casa Branca”, “Movimento Somos Comunidades Quilombolas de Brumadinho”, Acampamento Pátria Livre, “Retomada Indígena Naô Xohã”, “Movimento de Atingidos por Barragens” e Movimento Atingidos pela Mineração”.

Os 120 dias previstos de duração da Comissão preveem outros encontros, vistorias, convocações e diligências durante os trabalhos da CPI. Os depoimentos serão incluídos nos relatórios de atividades do colegiado para nortear as investigações sobre as causas e responsáveis pela tragédia.


1 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*