Defesa de Trump diz que processo de impeachment é ilegal

Os advogados do presidente fizeram a advertência em um documento de sete páginas para responder à notificação do Senado.

Foto: Divulgação

Em primeira manifestação formal desde o início do julgamento do presidente, defesa acusa oposição democrata de tentar interferir nas eleições de 2020. Os advogados do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disseram neste sábado (18) que o processo de impeachment aberto contra ele pela oposição democrata é uma tentativa “descarada” e “ilegal” de tentar interferir nas eleições de novembro deste ano. As informações são do portal Terra.

Segundo a publicação, os advogados do presidente, Jay Sekulow e Pat Cipollone, fizeram a advertência em um documento de sete páginas para responder à notificação do Senado de que o julgamento do processo de impeachment de Trump começará na próxima terça-feira (21).

No texto, os advogados afirmam que as acusações de abuso de poder e obstrução dos trabalhos do Congresso feitas contra Trump pela Câmara de Representantes, controlada pelos democratas, são “constitucionalmente inválidas”.

Sekulow e Cipollone defendem que as acusações não têm base porque, na avaliação deles, Trump não fez nada de errado na ligação com o presidente da Ucrânia, Vladimir Zelenski, cujo conteúdo levou os democratas a darem início ao processo.

Na conversa, Trump pediu a Zelenski para investigar a Hunter Biden, filho do ex-vice-presidente Joe Biden, potencial adversário do atual ocupante da Casa Branca nas eleições de novembro. A oposição vê o pedido como uma tentativa do presidente americano de usar o poder do cargo para prejudicar um oponente político.

 

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*