Deputada diz ter sido ameaçada de morte pelo ministro do Turismo Marcelo Álvaro

Foto: Agência Brasil

A deputada federal Alê Silva (PSL-MG) afirmou que o ministro do Turismo Marcelo Álvaro Antônio, presidente da legenda de Jair Bolsonaro em Minas, comandou esquema de candidaturas laranja nas eleições de 2018. Em entrevista à Folha de S. Paulo, ela disse que o político a ameaçou de morte, informação que recebeu de correligionários.

A deputada prestou depoimento espontaneamente à Polícia Federal, em Brasília, na última quarta-feira, e pediu proteção policial. Ela comentou a denúncia neste sábado em sua página do Facebook:

“Ao iniciar minha vida pública, eu prometi que combateria a corrupção. Então, jamais poderia me calar diante de um foco de corrupção tão próximo de mim. Mesmo que o tal espaço tivesse sido dado para mim, podem ter certeza que a minha postura não teria sido diferente”, escreveu.

À reportagem da “Folha”, o ministro disse que ameaças e agressões “não têm nenhuma correspondência com a minha história de vida”. As acusações da deputada do PSL são motivadas por uma “frustração pessoal”,

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*