Dupla teria matado três irmãos membro de facção rival

A dupla, acusada de ser pertencente a uma fação criminosa, teria atacado os irmãos que integravam quadrilha rival.

Lucas Freitas Santos da Silva, mais conhecido como ‘Lukinhas, e Gelma Fernandes de Morais, acusados de serem autores de um triplo homicídio em Ribeira do Pombal, foram presos por equipes da 25ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin/Euclides da Cunha), na manhã deste sábado (27/01). A dupla, acusada de ser pertencente a uma fação criminosa, teria atacado os irmãos que integravam quadrilha rival.

Lukinhas e Gelma estavam com mandados de prisões expedidos por conta do envolvimento direto no triplo homicídio, ocorrido no dia 21 de janeiro, no povoado de Barro Vermelho, zona rural de Ribeira do Pombal.

Os irmãos mortos, além de integrarem outra quadrilha, eram investigados pelo homicídio de um traficante, no dia 17 de janeiro, em uma pizzaria, também na cidade de Ribeira do Pombal.

“Triste percebemos tantos jovens envolvidos com venda de drogas, roubos, mortes, entre outros crimes. Dois criminosos ainda estão foragidos e seguimos procurando”, declarou o diretor do Departamento de Polícia do Interior (Depin), delegado Flávio Góis.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*