Edcarlos descorda do argumento de Paulo Carneiro e revela: “Temos cinco meses atrasado”s

O desligamento do defensor será oficializados nas próximas horas

Contratado no início da temporada 2019, ainda na gestação de Ricardo David,o zagueiro Edcarlos está fora  do Vitória. O jogador foi afastado do elenco principal desde maio, após falhar numa derrota do clube. O desligamento do atleta foi confirmado pelo Presidente do rubro-negro, Paulo Carneiro, no fim da apresentação do novo treinador, que substitui Osmar Loss, demitido no último domingo. O dirigente afirmou que o afastamento de Edcarlos foi uma decisão pessoal.

“Afastei ele por decisão técnica. Não cabe explicação. Decisão técnica é decisão técnica. Como ele é artilheiro, não joga de centroavante. Trouxe o Jordy (Jordy Caicedo) e trouxe agora… Zagueiro é zagueiro. Se ele faz gol, não é problema meu. Conversei com Edcalros e ele vai ser desligado do clube definitivamente. Mais alguma coisa?”, respondeu de forma ríspida o dirigente.

Em entrevista aos Galácticos Online, o atleta revelou que tem cinco meses salários atrasados e que foi pego de surpresa com a decisão.

“Infelizmente têm coisas que fogem um pouco do nosso controle e só nos resta acatar e seguir em frente. Eu não esperava algo do tipo, mas como tenho uma certa experiência no futebol, você tenta assimilar da melhor maneira possível. Minha experiência me ajudou”, disse Edcarlos.

O zagueiro afirmou que discorda do julgamento do presidente sobre a parte técnica. “Eu discordo da parte técnica, eu sei quando jogo mal e quando jogo bem, mas acredito que a parte técnica não seria o problema, principalmente nesse exato momento”, explicou.

Questionado sobre o encontro que teve com o candidato à vice-presidência, Marcus Sarmento, na época da eleição, o atleta afirmou que foi uma reunião onde outros profissionais também foram chamados. “Ele me chamou, chamou o Alarcon, tinha convidado o Neto também. Ele perguntou para a gente, se caso ele viesse a ganhar, o que ele poderia fazer para ajudar o Vitória de imediato. Conversei com ele para regularizar a situação dos salários e a questão da qualificação do elenco”, falou.

Edcarlos destacou o atraso no pagamento dos salários e afirmou que ainda não colocou o clube na justiça. “Ainda não conversamos a parte financeira. Temos cinco meses atrasados e a gente precisa definir juntos isso. Ficamos de ter uma conversa para regularizar essa parte financeira.Eu convivia diretamente com o outro presidente. Eu sei que o atual momento é difícil”, apontou.

A situação do zagueiro Edcarlos, de 34 anos, deve ser resolvida nos próximos dias e o atleta pode ficar livre no mercado para assinar com outra equipe. No momento em que foi afastado, Edcarlos era o artilheiro do Vitória em 2019, com quatro gols. O defensor realizou 14 jogos na temporada.

7 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*