Estudante de Camaçari atinge 920 pontos na prova de redação do Enem

Além da excelente nota do Enem, Rafael também foi selecionado pela empresa Ford Veículos para fazer um curso técnico com duração de 6 meses.

Rafael alcançou 920 pontos na redação do Enem

Rafael Pedra Rodrigues Costa, 17 anos, aluno de escola da rede pública, do Colégio Estadual de Monte Gordo, localizado no município de Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), alcançou 920 pontos na prova de redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Em entrevista ao jornal A tarde, o filho único de uma diarista e um caseiro, contou que tentou o Enem pela primeira vez no 3º ano do ensino médio, ano passado, e diz ter se surpreendido com o resultado. “De imediato não acreditei, fiquei surpreso, pois nunca tinha feito o Enem. Fiz a prova pra conhecer a estrutura das questões e testar o meu nível de conhecimentos. Estudava por vídeo-aulas no YouTube, sempre com foco em redação, pois nunca tive muito contato com essa disciplina”, declarou Rafael.

Além da excelente nota do Enem, Rafael também foi selecionado pela empresa Ford Veículos para fazer um curso técnico com duração de 6 meses. Por ter sido aprovado na seleção da Ford, Rafael aproveitou e optou no Sistema de Seleção Unificada (Sisu), pelo curso de Engenharia Mecânica.

61 Comentário

  1. Glórias a Deus! Jesus abençoe ele cada vez mais.onrando os pais dele e se profissionalizando para o sucesso futuro dele fico feliz por vc, ainda têm alguém quê pensa no futuro; e que dará muito orgulho a família. Desde já ja está em minhas orações. Fico muito feliz vê um jovem quê leva os estudo a sério. Um abraço????

    • Parabéns garoto,fico feliz em saber que ainda temos jovens que estuda,continue assim e chegará aos seus objetivos.Deus ilumine sua inteligência.parabéns ?

  2. Eu tirei 980.
    Ganhei uma bolsa no Sisu de serviço social ,em primeiro lugar e uma no prouni de gestão ambiental tbm em primeiro lugar.
    Não fiz nenhuma.
    Pq no ato da matrícula me pediram tanto documento,que eu nem sabia que existia.
    E eu tinha apenas três dias pra providenciar tudo.
    Resultado: nesses três dias não conseguir reunir nem metade dos documentos exigidos.
    Perdi a chance.

  3. eu tirei 900 e nem internet pra estudar em casa eu tinha em 2010.Aprendi com esforço e revisões do que o professor passava em sala de aula. Foi minha primeira vez tambem e já trabalhava de baba e diarista e tinha 17 anos. Bom,não tirando o mérito do garoto,mas pra quem so estuda, ta fazendo nada alem da obrigaçao.

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*