A Farmácia Santana, localizada na Rua Getúlio Vargas, centro de Camaçari, está de portas fechadas desde a última quarta-feira (09), após uma parte do forro de gesso se desprender do teto e cair no chão. Logo após o incidente, que aconteceu por volta das 11h, uma testemunha entrou em contato com a Defesa Civil, que se dirigiu ao local e  orientou os funcionários a interromperem o atendimento aos clientes.

De acordo com o coordenador da Defesa Civil de Camaçari, Ivanaldo Soares, ainda havia pedaços do gesso no chão quando o órgão chegou ao local. “Imediatamente, entramos em contato com a Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente (Sedur), responsável pela concessão do alvará necessário para a realização de qualquer reforma ou construção no centro de Camaçari.”, contou.

A Sedur notificou os responsáveis pela farmácia no final da tarde do mesmo dia. No dia seguinte, ao ser informado de que insistiam em manter o atendimento aos clientes, o órgão interditou o estabelecimento, emitindo ordem de só reabrir após a realização da reforma que o estabelecimento necessita.

O órgão ainda pontua que a obra só deve iniciar após a expedição do alvará de reforma, solicitado por representantes da farmácia nesta sexta-feira (11). “Entraram com o pedido de reforma hoje, mas o processo ainda não foi finalizado porque faltou apresentar alguns documentos. A autorização para a obra deve ser expedida no início da próxima semana”, prevê a secretária da Sedur, Juliana Paes, esclarecendo que o acesso do público e de funcionários da farmácia só deve ser liberado após a conclusão da reforma.

O referido estabelecimento fica em frente ao imóvel onde funcionava a Farmácia Pague Menos, cenário da tragédia que resultou na morte de dez pessoas no ano passado, quando houve incêndio e desabamento do teto.

 

0 0 voto
Article Rating