FGTS: pagamento para não correntistas começa nesta sexta (18)

Foto: Reprodução

Nesta sexta-feira (18) a Caixa Econômica Federal começa a liberação de mais uma etapa do Saque Imediato do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), destinada à trabalhadores que não tem conta na Caixa. As informações são da Agência Brasil.

Os nascidos em janeiro que não têm conta no banco poderão sacar até R$ 500 de cada conta ativa ou inativa do fundo. Serão aproximadamente 4,1 milhões de pessoas nesta fase, que estima a injeção de R$ 1,8 bilhão na economia.

Segundo informações do presidente da Caixa, Pedro Guimarães, essa é considerada a fase mais complexa dos pagamentos.

Para Pedro, o banco terá gastos de R$ 1 bilhão, com os pagamentos do FGTS, como com horas extras de funcionários e taxas para as lotéricas. Em decorrência disso, não há como dar gratuidade nas tarifas de transferências para clientes com contas em outros bancos.

Até o momento, cerca de 40% dos 96 milhões de brasileiros com direito ao saque já receberam os valores referentes ao Saque Imediato. Destes, 82% movimentaram o dinheiro através do celular, sem precisar ir a agências.

Os saques de até R$ 500 podem ser realizados nas casas lotéricas e terminais de autoatendimento para quem possui senha do cartão cidadão.

Quem tem cartão cidadão e senha pode sacar nos correspondentes Caixa Aqui, apresentando documento de identificação, ou em qualquer outro canal de atendimento.

Para os saques de até R$ 100, a Caixa orienta que os trabalhadores procurem as casas lotéricas, portando documento de identificação original com foto.

Quem não tem senha e cartão cidadão e vai sacar mais de R$ 100, precisa se dirigir à uma agência da Caixa.

A data limite para saque é 31 de março de 2020. Entretanto, caso o saque não seja feito até essa data, os valores retornam para a conta do FGTS do trabalhador.

Horário especial

Na sexta (18), segunda (21) e terça-feira (22), a Caixa vai abrir as 2.302 agências em horário estendido. As agências que abrem às 8h, terão o encerramento do atendimento 2 horas depois do horário normal de término. As que abrem às 9h, terão atendimento uma hora antes e uma hora depois. Já as que abrem às 10h, iniciam o atendimento com duas horas de antecedência. E, por fim, as que abrem às 11h, também iniciam o atendimento duas horas antes do horário normal.

A lista das agências com horário especial de atendimento está disponível no site da Caixa.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*