Gusttavo Lima bate recorde de ‘views’ e muda conceito de live; foram mais de 5h de música

Foto: Reprodução / Youtube
Diversas câmeras de última geração, drones sobrevoando o espetáculo e, principalmente, era perceptível uma altíssima qualidade da transmissão: descrição de uma apresentação para um mega festival? Não, cenário criado para transmissão de uma live “caseira” do cantor Gusttavo Lima, na noite de ontem (29), que durou simplesmente cinco horas, 12 minutos e 47 segundos.
Com menos de uma hora depois de ter iniciado a transmissão, os números surpreendentes e a conquista de recorde mundial de visualizações em uma live no YouTube havia sido batida: 731 mil pessoas simultâneas, no total mais de dez milhões de visualizações. Gusttavo Lima estava em sua fazenda em Bela Vista (10 km de Goiânia), que conta com internet através de fios subterrâneos. Autorizado pela Prefeitura, ele precisou “puxar” a fiação para conseguir realizar o show com altíssima qualidade de imagem.
O músico, inclusive, teve o cuidado de não convocar sua banda, afinal, eles não poderiam correr risco de uma possível contaminação pelo novo coronavírus (Covid-19). Com isso, para realizar a live, Gusttavo preparou back-ups de seus grandes sucessos; a banda era gravada, mas a voz dele era ao vivo. No total, o cantor contou com a ajuda de três cinegrafistas, um diretor e cinco pessoas da equipe, todos equipados com máscaras de proteção.
Solidariedade
Gusttavo Lima abriu a transmissão doando cerca de quatro toneladas de alimentos, adquiridos por meio de uma empresa parceira. Em seguida, uma série de doações grandiosas, dignas de Teleton e Criança Esperança, começaram a surgir.
Em apenas cinco horas, foram mais de R$ 100 mil, dezenas de toneladas de alimentos e álcool gel.
No domingo, Gusttavo Lima conseguiu um grande feito, além de bater o recorde de “views”: ele fez a classe artística repensar o conceito de live e, sobretudo o respeito e entrega para os fãs.
A sertaneja Marília Mendonça fez o seguinte comentário: “‘Gostaria de dizer, em nome do sindicato dos ‘fazedores de ao vivo’ que o senhor está inviabilizando o conceito de live e que não vai dar tempo de te copiar. Obrigada”.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*