Irmãos são presos por suspeita de estuprarem garoto com necessidades especiais

Além da violência sexual, conforme a polícia, o jovem era ameaçado com uma faca.

Dois irmãos, de 49 e 39 anos, foram presos no município de Varzedo, na quarta-feira, 20, suspeitos de estuprarem um garoto com necessidades especiais durante dois anos.

Segundo informações da polícia, o menino sofreu diversos abusos. O primeiro ocorreu em 2015, quando o garoto tinha 12 anos. O último foi registrado em março de 2017, em uma roça da zona rural de Varzedo, que pertencia a um dos suspeitos.

De acordo com o G1, além da violência sexual, conforme a polícia, o jovem era ameaçado com uma faca. Os suspeitos foram presos durante uma ação das Polícias Civil e Militar e foram encaminhados para a delegacia da cidade, onde permanecem presos. O caso é investigado pela Polícia Civil.

13 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*