Jovem morre após ser esfaqueado em Salvador; crime é tratado como homofobia

A polícia continua investigando o caso, mas o suspeito ainda não foi localizado.

Foto: Divulgação

Morreu nesta quarta-feira, 6, o jovem Rodrigo Abreu Santos, 23 anos, que seguia internado no Hospital do Subúrbio após ser esfaqueado em um bar no bairro de Fazenda Coutos, em Salvador. De acordo com familiares, o crime teria sido motivado por homofobia. A polícia investiga o caso. A informação é do jornal A Tarde.

Rodrigo estava dançando em um bar na última sexta-feira, 1°, quando um homem começou a chamá-lo de “viadinho”, segundo testemunhas. Após isso, o agressor começou a esfaquear o jovem. Atingido no pescoço, a vítima foi socorrida por populares.

O sepultamento será realizado às 11h na sexta, 8, no Cemitério Municipal de Plataforma. A polícia continua investigando o caso, mas o suspeito ainda não foi localizado.

6 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*