Lauro de Freitas: vereadores discutem omissão de socorro a homem em posto de saúde

Foto: Reprodução

O caso do homem que precisou esperar atendimento do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mesmo estando em frente ao Pronto Atendimento (PA) de Areia Branca, em Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador, foi pauta na sessão da Casa Legislativa do município nesta quarta-feira (11).

De acordo com informações do vereador Dr. Emanuel (PSDB), a discussão foi iniciada por ele e pelo vereador Coca Branco (PPS).

“O vereador Fausto Franco [DEM], da base da prefeita [Moema Gramacho], sensibilizado com a grave situação de mal atendimento da secretaria da saúde, defendeu uma investigação e punição de possíveis culpados pela omissão de socorro da equipe da emergência”, explicou o vereador Dr. Emanuel .

CASO

O vídeo, que circula nas redes sociais, mostra um homem convulsionando caído no chão em frente ao PA. A pessoa responsável pela filmagem, uma mulher, assegura que nenhum profissional de saúde oferece assistência.

Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde de Lauro de Freitas (Sesa) informou que o procedimento com o paciente foi realizado dentro dos padrões pela equipe do Samu de Lauro de Freitas, já que ele tinha cortes, ferimentos e apresentando convulsão.

“A Sesa enfatiza que o deslocamento e socorro em vias públicas, residências e locais de trabalho só podem ser realizados pelo Samu, serviço que dispõe de equipe composta por médicos socorristas, enfermeiros socorristas e equipamento adequado para a locomoção e estabilização do paciente,  ao passo que a ambulância do Pronto Atendimento Municipal é destinada a deslocamento de pacientes internados na unidade, e já estabilizados, para unidades de alta complexidade”, diz trecho da nota da Sesa.

Ainda de acordo com a prefeitura, a equipe da Samu chegou a via em poucos minutos após seu acionamento, e encaminhou o paciente para o Hospital Geral Menandro de Faria, local onde o homem foi atendido pelo médico cirurgião e segue internado recebendo todos os cuidados específicos para o atual estado de saúde .

Veja o vídeo:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*