Durante entrevista ao colunista Leo Dias, do UOL, Luana Piovani afirmou que sabia que o relacionamento entre o ex-marido, Pedro Scooby, e a funkeira Anitta não iria vingar e que o surfista iria ‘se fod&*#!’.

“Sofri por ele tomar decisões erradas, por vê-lo jogar a vida dele pela janela. É muito ruim ver a potência do amor, que é essa coisa que dá um troço na gente, sendo mal utilizada. Fiquei com pena. Sabia que em algum momento isso ia acabar, e ele iria se ‘fod&*#’. Espero que numa próxima paixão, ele usufrua da potência do amor para um lado positivo”, disse a apresentadora.

Anitta e Scooby terminaram o relacionamento no dia 30 de agosto.

Foto: Reprodução / Instagram

Luana também destacou que é a maior defensora do ex e que mataria e morreria por ele, caso fosse necessário. “Eu mato e morro pelo Pedro. Eu o amo. Vou amá-lo para a vida inteira com todos os senões que ele tem, porque ele é uma pessoa muito especial”, afirmou.

E acrescentou: “O Pedro é uma das poucas pessoas que eu dou a chance de poder me magoar, mas dou um desconto [por conta] da idade. Ele ainda tem que amadurecer”.

Novo contratinho

Nesta quarta-feira (6), a loira utilizou sua conta do Instagram para fazer uma revelação aos seguidores. Segundo Luana, foi ela que “apresentou” Scooby à seu novo affair, a modelo Cintia Dicker.

Quando isso aconteceu eles ainda eram casados e passeavam pela Times Square, em Nova York, nos Estados Unidos (EUA).

“Foi eu que mostrei a Cintia pra ele. Eu gosto da Cintia há milhas de anos. Não a conheço intimamente, sempre foi mega querida comigo”, disse Luana.

A artista foi mais além e elogiou a nova namorada do ex: “O tanto que ela é deusa, é de doer o olho. Mostrei pra ele quando estávamos no Time Square, quando estava casada com ele”.

Em um registro publicado recentemente pela modelo, Scooby e ela aparecem juntinhos justamente em Nova York, nos EUA.

Pedro Scooby e Cintia Dicker. (Foto: Reprodução / Instagram)
0 0 voto
Article Rating