Foram liberados pela Secretaria de Defesa Agropecuária mais 63 agrotóxicos no Brasil. Desses, 7 são novos defensivos e outros 56 são ingredientes genéricos ativos que já estavam na relação de produtos disponíveis no país.

A medida foi publicada no “Diário Oficial da União”. Agora, são 325 agrotóxicos registrados, sendo 310 genéricos e 15 novos ingredientes ativos.

“Nos últimos anos, diversas medidas desburocratizantes foram adotadas para que a fila de registros de defensivos ande mais rápido no Brasil. O objetivo de fazer a fila andar é aprovar novas moléculas, menos tóxicas e mais ambientalmente corretas, e assim substituir os produtos antigos, além da liberação de produtos genéricos”, afirma trecho do comunicado divulgado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

0 0 voto
Article Rating