Mais de 14 toneladas de óleo são retiradas em Salvador e RMS durante o final de semana passado

Manchas de óleo retornam à Pedra do Sal, em Salvador. (Foto: Reprodução / Limpurb)

Novas manchas de óleo voltaram à aparecer em Salvador. Segundo dados da Limpurb, entre a sexta-feira (1º) e a noite de domingo (3), foram removidos cerca de 14,6 toneladas de óleo. Durante o final de semana as áreas mais afetadas na capital baiana e região metropolitana foram Ondina, Amaralina, Corsário, Pituba, Praia do Flamengo, Stella Maris, Paciência (na capita), e Ipitanga (Lauro de Freitas). No sábado (2), aproximadamente 4,5 toneladas da substância foram removidas desses pontos.

Ainda no sábado, proporcionalmente ao tamanho da área, o Rio Vermelho foi a praia mais afetada: 1,2 toneladas.

De acordo com a Marinha, quem fez a remoção desses fragmentos na Ponta da Baleia, em Caravelas, e na Ilha de Santa Bárbara, em Abrolhos, foi o Grupo de Acompanhamento e Avaliação (GAA).

Além da Marinha do Brasil, o grupo é formado pela Agência Nacional de Petróleo (ANP) e pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

1 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*