Ministério Público do Rio de Janeiro denuncia PM acusado de matar Ágatha Felix por homicídio qualificado

Foto: Divulgação

Nesta terça-feira (3), o Ministério Público do Rio de Janeiro denunciou o policial militar Rodrigo José de Matos Soares, acusado de matar a garota Ágatha Vitória Sales Felix, de 8 anos, no Complexo do Alemão, no dia 20 de setembro.

O policial irá responder por homicídio qualificado, e se for condenado, pode cumprir pena de 12 a 30 anos de prisão.

O Ministério Público do Rio de Janeiro também pediu que a Justiça suspenda parcialmente o exercício da função pública de Rodrigo José de Matos, e fez um requerimento de suspensão da autorização de porte de arma de fogo.

De acordo com a solicitação, o PM será proibido de ter contato com as testemunhas e terá que comparecer à Justiça e não poder se ausentar da Comarca.

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*