Mulher é espancada dentro de casa em Ilhéus

Vítima está internada no Hospital Geral do Estado (HGE), em Salvador

Uma mulher de 32 anos, identificada como Nayane Almeida, foi espancada dentro de casa na cidade de Ilhéus, sul do estado, no último sábado, 08.

De acordo com o G1, o ex-companheiro dela é o principal suspeito do crime e é procurado pela polícia. Familiares disseram que vítima pode ficar cega por conta das lesões em um dos olhos provocadas por uma faca.

Segundo a polícia, a vítima estava em casa quando o ex-companheiro dela, que estava bebendo, chegou até o local e começou a agredir a mulher com vários socos na cabeça e no corpo. Após as agressões, o homem saiu do local levando a vítima para a casa dele, onde a violência continuou.

Ainda de acordo com a polícia, a irmã da vítima foi até a casa do homem, depois de ficar sabendo sobre o caso, conseguiu entrar no local e ajudar Nayane a fugir, após entrar em lutar corporal com o suspeito.

A vítima foi encaminhada para o Hospital Regional Costa do Cacau, mas precisou ser transferida para o Hospital Geral do Estado (HGE), em Salvador, na manhã desta segunda-feira (10), por conta da complicação dos ferimentos.

Segundo a família, que prestou depoimento à polícia no domingo, a mulher está separada do suspeito há, pelo menos, dois anos, e já foi agredida por ele outras vezes. Ela têm quatro filhos, três com o ex-companheiro. O caso segue sob investigação.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*