‘Não vamos ter a participação do governo’, diz Bolsonaro sobre criação do ‘Aliança pelo Brasil’

Foto: Reprodução / Adriano Machado - Reuters

Nesta quinta-feira (21), o presidente Jair Bolsonaro destacou que nenhum dos ministros que fazem parte do seu governo irão se filiar ao seu novo partido que segue em, fase de criação, o Aliança pelo Brasil.

“Não vamos ter a participação do governo na criação do partido para evitar interpretação equivocada de que estou usando a máquina pública para formar um partido”, declarou.

Bolsonaro também garantiu que a nova legenda vai respeitar a legislação: “O partido tem que estar voltado, no meu entender, para suas atribuições legais: fiscalizar o Executivo, apresentar projetos, legislar”.

Nesta quinta-feira o presidente vai participar do evento de lançamento da nova sigla, em Brasília. No entanto, para ser oficialmente registrado e ter o direito de participar da disputa nas próximas eleições, ainda será necessária a coleta de 500 mil assinaturas em ao menos nove estados.

As rubricas ainda precisam ser validadas, uma a uma, pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

1 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*