A recente nomeação da advogada Ivoneide Caetano, para Superintendência de Assuntos Parlamentares da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), gerou revolta em diversos petistas de Camaçari.

Segundo uma fonte ligada ao radialista Roque Santos, um desses petistas revoltados, é o deputado estadual Bira Coroa (PT), tendo em vista, que a ex-candidata a prefeita, ocupará o cargo que era de um assessor do parlamentar.

Ainda segundo a fonte, a revolta se estende em grande parte do partido, porque o ex-deputado Luiz Caetano (PT) não discutiu a indicação da esposa, assim como fez no mês de janeiro, quando indicou os ex-candidatos a vereador, Kaique Ara e Cristovam Colombo para o Centro de Pesquisa e Desenvolvimento – CEPED, da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação. Ambos foram nomeados para o cargo de Coordenador II, símbolo DAS-3.

Caetano também indicou Vilma Martins para coordenar a 28ª Circunscrição Regional de Trânsito de Camaçari (Ciretran). Muitos petistas não aceitam as indicações, pelo fato de terem militado e apoiado a candidatura de Ivoneide no período da última eleição municipal e agora não são chamados sequer para uma discussão.

Por último a fonte afirma, que algumas pessoas ligadas a Caetano estão passando por muita dificuldade, chegando até a passar fome. Essas pessoas durante toda a vida trabalharam em prol da política e agora estão sem nada. A indicação de Ivoneide não é vista com bons olhos, pelo fato da mesma ser advogada, ter um escritório estruturado em Camaçari, ou seja, para essas pessoas, a esposa do ex-deputado não merecia ganhar um cargo de R$ 17 mil.

0 0 votos
Article Rating