Neste domingo (20) cerca de três ônibus da empresa Expresso Metropolitano, responsável por fazer transporte entre algumas cidades da Região Metropolitana de Salvador (RMS), foi apedrejado e a frota teve que ser recolhida para às garagens, a fim de evitar novos ataques em circulação na capital baiana.

Em Salvador a população amanheceu sem ônibus, os veículos da Expresso Metropolitano que foram para capital sofreram ataques e tiveram os vidros das janelas quebrados.

Segundo Daniel Ferreira, presidente do Sindicato dos Rodoviários de Camaçari, Simões Filho e Dias D’Ávila (Sindroc), os ônibus de Entre Rios, Mata de São João, São Sebastião do Passé, São Francisco do Conde, Esplanada, Campo Formoso, Jacobina, Alagoinhas, Candeias, Dias D’Ávila, Catu, Pojuca e Lauro de Freitas, neste domingo circularam normalmente.

De acordo com Daniel quando for publicado o edital, os ônibus da Região Metropolitana também vão aderir a greve.

0 0 votos
Article Rating