O Palácio da Sé, localizado no Centro Histórico de Salvador, foi reaberto na noite desta sexta-feira (6), após ficar 20 anos fechado.

A abertura do espaço ao público também teve a inauguração da exposição de presépios da coleção particular do engenheiro e arquiteto Celso Basto de Oliva e, uma mostra de móveis dos séculos XVII e XVIII, com curadoria do antiquário Sérgio Caloula.

Segundo a Prefeitura de Salvador, o prédio passou por um processo de restauração nos últimos cinco anos. O térreo do Palácio possui uma área disponível para exposições itinerantes e realização de eventos corporativos, permitindo a sustentabilidade do local.

No segundo pavimento funcionará o Centro Administrativo da Arquidiocese de São Salvador da Bahia, com um acervo permanente o arcaz da antiga Igreja da Sé, a galeria dos Bispos e Arcebispos da Bahia e Primazes do Brasil.

O espaço também vai contar com uma área dedicada ao Arcebispo Sebastião Monteiro da Vide, responsável pela construção do Palácio.

0 0 voto
Article Rating