Na noite desta segunda-feira (1°), o governador Rui Costa (PT) anunciou que foi assinado o decreto que prorroga, até o dia 21 do mês vigente, a suspensão das aulas estaduais, bem como do transporte intermunicipal nas cidades baianas que registraram casos do novo coronavírus (Covid-19) nos últimos 14 dias.

“Acabei de assinar prorrogando medidas de proteção social, adiamento das aulas, suspensão dos transportes para cidades com casos positivos por 14 dias, até o dia 21 de junho. Essas medidas de proteção também incluem suspensão dos ônibus”, destacou Rui.

No entanto, antes de falar sobre as prorrogações do decreto, o estadista fez um balanço dos números do estado no combate à pandemia da Covid-19.

Na última semana, como medidas emergenciais, o governador já havia antecipado na Bahia dois feriados (2 de julho e São João), além de também ter determinado ponto facultativo em mais dois dias para os municípios com alto índice de contaminação, a exemplo de Lauro de Freitas e Camaçari, cidades da região metropolitana de Salvador (RMS).

“Estamos conseguindo diminuir a taxa de crescimento. Antes das ações, estávamos crescendo 5%. Hoje, reduzimos a necessidade de leitos para 2% por dia, e a média de crescimento diário para 4,06%. Se a gente for contendo os focos, vai reduzir mais ainda nos próximos dias e aprender a utilizar ferramentas de controle”, afirmou.

Casos na Bahia

Na noite desta segunda-feira, a Secretaria de Saúde do Estado (Sesab) informou que foram acrescentados ao boletim estadual, na presente data, 34 novos óbitos pela Covid-19.
Com isso, a Bahia já totaliza 701 mortes pela doença, além de 18.898 pacientes que já testaram positivo para o novo coronavírus. Saiba mais.
0 0 voto
Article Rating