Na manhã desta terça-feira (14) o presidente Jair Bolsonaro opinou sobre o documentário “Democracia em Vertigem”, dirigido por Petra Costa, que foi indicado na categoria de melhor documentário longa-metragem no Oscar 2020.

Segundo o presidente, a produção é considerada de qualidade por aqueles que gostam de lixo. “Ficção. Para quem gosta do que o urubu come, é um bom filme”, analisou.

Questionado pela reportagem da Folha se ele já havia assistido ao documentário, que inclusive está disponível pela streming Netflix, Bolsonaro foi novamente categórico em sua resposta: “perder tempo com uma porcaria dessas”.

Sobre o documentário

Democracia em Vertigem retrata o processo de impeachment de Dilma Rousseff e a crise política no Brasil trazendo fatos sobre a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o impacto dos protestos de junho de 2013, bem como a vitória de Jair Bolsonaro nas eleições presidenciais de 2018.

Petra Costa, de 36 anos, é mineira e também assinou os documentários “Elena” (2012) e “Olmo e a gaivota” (2014), premiados respectivamente nos festivais de Brasília e do Rio.

O documentário político é sua primeira indicação ao Oscar, que neste ano tem a cerimônia de premiação  marcada para o dia 9 de fevereiro, em Los Angeles.

0 0 voto
Article Rating