Passageiros do metrô de Salvador brigam por causa de som alto

A CCR Metrô Bahia emitiu nota esclarecendo o fato.

Divulgação

Um vídeo gravado por uma usuária do metrô de Salvador mostra o momento em que dois homens discutem dentro do transporte. Informações preliminares dão conta de que a briga se iniciou por conta do som alto vindo de “caixinhas Bluetooth”.

Nas imagens, é possível ver um homem alterado sendo segurado por um segurança da CCR Metrô Bahia (empresa que gerencia o metrô de Salvador), fazendo ameaças ao outro que está fora do trem, já na estação.

Em nota, a concessionária informou que os homens foram acompanhados pelos Agentes de Atendimento e Segurança Local e que o Sistema Metroviário de Salvador e Lauro de Freitas apresenta regras para o uso de fones de ouvido.

Divulgação

Leia a nota na íntegra:

“A CCR Metrô Bahia esclarece que houve uma discussão entre dois clientes, na manhã desta quinta-feira (2), sem agressão. Um dos envolvidos desembarcou na Estação Flamboyant de Metrô e o outro seguiu viagem. Ambos foram acompanhados pelos Agentes de Atendimento e Segurança (AASs) da concessionária.

A CCR Metrô Bahia ressalta que o Sistema Metroviário de Salvador e Lauro de Freitas segue o Regulamento de Transporte, Tráfego e Segurança, instituído pelo Decreto Estadual nº 15.197, que apresenta regras para utilização do sistema. As orientações para os clientes estão dispostas em todos os trens e estações de metrô. Neste caso, a recomendação é o uso de fones de ouvido. A empresa orienta os clientes que, em casos atípicos, comuniquem imediatamente a equipe de Agentes para as devidas providências.”

33 Comentário

    • Vagner Pereira Aqui só toca merda irmão é arrocha e esses pagodes com as musiquinhas vagabundas o metrô não é como Busu que entra os crentes mal educados e malucos nem tão pouco baleiros lá eles nem na porta chegam . Assim que adentra o veículo a voz sonora já diz que é proibido ouvir música alta por educação ouça com fone de ouvido mas as desgraças querem fazer o mesmo que fazem em suas casas e não é assim. Mal educado era pra tomar o rádio lixo dele e quebrar

      • Independente de onde seja a música cara,musica bosta tem em todos os cantos. O problema é a falta de educação dos cidadãos!

      • Concordo tem que dar um basta nestes sugeitos ; música ruim ou boa tem que ser no fone de ouvido , é mas barato comprar um fone do que estas merdas destas caixas perturbadoras, os crentes ; Hoo raça descabidas .

  1. O povo de Salvador é muito “mal educado”.
    Sem generalizar.

    Poxa, custa nada escutar sua música no celular e pôr o fone de ouvido?
    Nossa, escutar uma música em um fone de ouvido sem incomodar ninguém é tão gostoso.
    Eu odeio incomodar os outros.
    Prefiro escutar minhas músicas com meu celular e meu fone de ouvido.

    MALDITA CAIXINHA DE SOM E SUAS MÚSICAS DE BABACA.

  2. Existe já uma lei municipal proibindo o uso de caixinhas de som com volume alto ou celular dentro dos coletivos, os passageiros devem usar seus fones de ouvido,só que agora pouco se vê o passageiro com som alto nos ônibus,mais encontrarmos o rodoviário com suas caixas de som em alto volume nos coletivos e aí cadê a fiscalização..

    • Rapaz, confesso que tenho vontade de descer o cacete em em alguns. Eu sempre vou para o trabalho lendo algum livro e é insuportável ter que ficar ouvindo o que vc não quer ouvir. Isso serve tbm pista a galera que fica vendo stories.

  3. A segurança tem que ser rigorosa, se não termina os mal educados vencendo pelo cansaço, será que vamos está sempre em lugares com poluição sonora, principalmente essas músicas horríveis.

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*