Por meio de um comunicado, a Petrobras informou que deu início a fase não vinculante referente à venda de quatro usinas termelétricas, sendo que três delas estão localizadas em Camaçari: Arembepe, Bahia 1 e Muricy. A quarta a entrar na lista é a de Canoas (RS).

Durante a nota, a Petrobras destaca que o negócio está atrelado a melhoria do portfólio, como também a uma melhor alocação de capital da estatal.

A companhia vem tentando centralizar suas atividades na produção e exploração de petróleo em águas profundas e ultraprofundas.

Ainda durante a nota, a petrolífera frisou que potenciais investidores, qualificados para a fase não vinculante, irão receber orientações pra elaborar e enviar as propostas.

No que diz respeito as usinas, a companhia garantiu que a de Canoas opera biocombustível, enquanto apresenta potência instalada de 249 megawatts. Essa termelétrica tem “potencial ganho operacional com a expansão esperada da malha de gasodutos e/ou novos terminais de regaseificação”.

Já sobre as outras três termelétricas, instaladas em Camaçari, a Petrobras disse que, apesar de apresentarem a possibilidade de conversão para operarem à gás natural, elas são movidas a óleo combustível, e apresentam potência total instalada de 329 megawatts.

Ao final do comunicado, a estatal ressaltou que todos os ativos são de sua titularidade.

0 0 voto
Article Rating