Petrobras inicia demissões de funcionários de fábrica de fertilizantes de Araucária

Foto: Reprodução / FUP

Nesta sexta-feira (14) a Petrobras iniciou o processo de demissões de funcionários da Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados do Paraná (Fafen), situada em Araucária, na Região Metropolitana de Curitiba. Segundo a empresa, aproximadamente 396 colaboradores serão desligados de suas atividades, até abril deste ano.

Segundo a empresa, os desligamentos acontecerão em três fases: a primeira delas, que acontece nesta sexta-feira e segue até o dia 5 de março, ocasionará no desligamento de 144 funcionários. Outros 103 colaboradores serão desligados de 5 a 25 de março, na segunda fase, e 149 empregados devem ser demitidos de 25 de março a 14 de abril, caracterizando assim, a terceira e última fase de hibernação da unidade.

A empresa disse também que a produção já foi interrompida, e até que todos os deligamentos sejam concluídos, a fábrica irá manter as atividades de expedição dos produtos em estoque e de manutenção dos equipamentos para a garantia da segurança operacional, das pessoas e do meio ambiente.

A “hibernação” da unidade foi anunciada no dia 14 de janeiro. À época, por meio de comunicado, a Petrobras destacou que a matéria-prima da fábrica estava mais cara que o produto final, e que a unidade vinha acumulando prejuízos desde quando foi adquirida, em 2013.

1 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*