PF cumpre 9 mandados de busca ligados a inquérito que investiga Jucá

Jucá não é alvo da operação desta quinta.

Nesta  quinta-feira (8) a Polícia Federal cumpre nove mandados de busca e apreensão no estado de São Paulo. A operação, batizada de Armistício, faz parte de inquérito que investiga o senador Romero Jucá (MDB-RR) por recebimento de propinas da Odebrecht. Jucá não é alvo da operação desta quinta.

Os subornos teriam sido pagos em 2012, para que Jucá ajudasse a aprovar uma resolução do Senado que buscava restringir a guerra fiscal nos portos brasileiros. O texto unificava alíquotas de ICMS praticadas pelos estados, o que beneficiaria a Odebrecht.

Segundo a PF, os pagamentos indevidos, de R$ 4 milhões, teriam sido pagos pela empreiteira, “que tinha interesse na edição do ato”.

Dos nove mandados de busca e apreensão, sete são na cidade de São Paulo, um Santos e um em Campo Limpo Paulista.

Segundo um investigador, as medidas miram pessoas ligadas ao senador. Elas foram deferidas pelo ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Edson Fachin.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*