Polícia recupera cerca de R$ 1 milhão de pirâmide financeira no sul do estado

Operação ocorreu no município de Itabuna. Quantia foi apreendida na casa da sogra de suspeito.

 A Polícia Civil do município de Itabuna, localizado no sul do estado, apreendeu um valor aproximado de R$ 1 milhão em espécie, cinco dias após a Justiça ter decretado a prisão preventiva de um dos fundadores de uma pirâmide financeira. A quantia foi apreendida  na casa da sogra do suspeito.
Segundo informações da polícia, a operação ocorreu na terça-feira, 05, por meio do Departamento de Crimes contra o Patrimônio (DPCP). A sogra do suspeito, que também era investigada por participação no esquema criminoso, foi identificada como Edlane Alves de Oliveira.
De acordo com um dos delegados responsáveis pelas investigações, o valor apreendido será depositado em uma conta e ficará à disposição da Justiça para a possível reparação às vítimas da pirâmide.
Danilo Santana, fundador da D9 Empreendimentos e um dos responsáveis pela criação do esquema, continua foragido. A Justiça obteve a informação de que ele fugiu do país e a situação foi comunicada à Interpol. . Ele é suspeito de ter criado na cidade de Itabuna,  um esquema de pirâmide financeira, que funcionava em vários estados do país, por meio da internet, e tinha como foco apostas em jogos de futebol.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*