Porta-voz da Presidência da República deixa Secretaria de Comunicação do governo

Otávio Rêgo Barros. (Foto: Reprodução / 24horasnews.com)

Segundo informações da Coluna do Estadão desta manhã de terça-feira (13), o porta-voz da Presidência da República, Otávio Rêgo Barros, não ficará mais subordinado à Secretaria de Comunicação, sob gestão de Fábio Wajngarten. De acordo com interlocutores, a separação teria sido de comum acordo.

Ex-chefe do Centro de Comunicação Social do Exército, Rêgo Barros e sua equipe devem continuar na Secretaria de Governo, que também abriga a Secom, mas devem migrar para outra secretaria, como a executiva ou mesmo chefia de gabinete.

A mudança ocorre após uma série de embates entre Rêgo Barros e Wajngarten, em decorrência do relacionamento com a imprensa ou rumos da comunicação. Em determinado momento, os dois sequer se falavam direito.

Otávio Rêgo Barros chegou a ser defendido publicamente pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL), mas não conseguiu se manter no cargo.

3 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*