Na noite desta quarta-feira (27), o governador Rui Costa (PT) disse que o número de casos ativos de pacientes com o novo coronavírus (Covid-19) na Bahia está há quatro dias sem apresentar crescimento.

“Novidade! O gráfico de crescimento dos casos ativos de #covid19 na Bahia atingiu um platô. Isso significa que há 4 dias estamos vendo uma tendência do famoso “achatamento da curva” que tanto falamos. Nosso objetivo é manter isso por mais tempo para que a curva comece a cair e finalmente a gente enxergar o fim desse túnel. Para isso, precisamos que algumas cidades ajudem aumentando o isolamento”, pontuou o estadista.

No entanto, ele fez um alerta para oito municípios baianos que estão registrando crescimento das notificações, tanto de casos quanto de óbitos pela doença. Três deles, Camaçari, Lauro de Freitas e Candeias, estão situados na região metropolitana de Salvador (RMS).

“Alô, #FeiraDeSantana, #Camaçari, #Itabuna, #Ilhéus, #Ipiaú, #Jequié, #LauroDeFreitas e #Candeias, estou falando com vocês! Nesses municípios, os casos ainda estão crescendo. Todos queremos reabrir o comércio e retomar nossas atividades, o Estado está fazendo a sua parte, mas TODO MUNDO precisa colaborar para que seja seguro sair!”, reforçou o governador.

Durante a exibição do programa ‘Papo Correria’ (transmitido nas redes sociais), Rui também revelou que dos oito municípios citados, a situação que mais preocupa é a de Feira de Santana.

“Diria que, de todas as dez maiores cidades com casos, hoje é a que mais nos preocupa. Dia 22 eram 248 [casos]. Hoje, são 408. Feira de Santana não é mais sinal amarelo, mas sinal vermelho que está aceso. É preciso aumentar a restrição de convívio social. Precisa aumentar isolamento urgente. Se continuar, vai ter explosão de casos nos próximos dias. É hoje o município com maior taxa de crescimento nos últimos cinco dias. É preocupante a situação de Feira”, analisou.
“Estamos chegando perto do início da queda. Se essas cidades que citei, Feira, Itabuna, Ilhéus, Ipiaú, Jequié, Lauro de Freitas, Candeias, Camaçari, entrarem nesse ritmo, a gente vai começar a cair e projetar o fim da pandemia na Bahia e início, diria, do retorno à normalidade”, alertou.

Isolamento social

Ao longo de seu pronunciamento, Rui comemorou o resultado do isolamento social praticado por parte da população.

“A curva [de contágio] ficou horizontal nesses quatro dias, 27, 26, 25 e 24 de maio. Isso significa que os casos ativos pararam de crescer. Esse é primeiro passo para, em seguida, descer a curva. Para isso, é preciso continuar com isolamento forte como estamos, principalmente nos municípios com maior volume de contágio. Está aqui a prova que dá resultado isolamento social”, garantiu.

“O que podemos afirmar hoje é que o isolamento social dá resultado, sim. Nós estamos com quatro dias, com os casos de ativos, em uma linha horizontal. Significa o quê isso? Que nós conseguimos barrar o crescimento”, completou o governador.

Em seguida, o gestor estadual explica o que é significa casos ativos.

“O que são os casos ativos? São os casos de pessoas que têm potencial de transmitir a doença, ou seja, aqueles que ainda estão internados ou estão em casa e têm menos de 14 dias contaminados”.

Ainda segundo Rui, o resultado positivo do isolamento social indica que ele é um aforte estratégia para que a curva de casos comece a cair.

“Desde o início da pandemia, a curva foi sempre crescente e, pela primeira vez, nós estamos há quatro dias sem crescimento do número de ativos. Isso é para comemorar, mas também para afirmar que o isolamento dá resultado. Portanto, o pedido é: continue conosco para que, nos próximos dias, a gente derrube de vez esse vírus e a Bahia possa retomar o mais breve possível as suas atividades”, pediu.

Ademais, ele agradeceu à população e novamente solicitou que as medidas de segurança continuem sendo obedecidas.

“Não podemos baixar a guarda. Quero agradecer á população, continuar contando com o apoio dos prefeitos e as prefeitas. Significa que demos os primeiros passos para, quem sabe, daqui a alguns dias, comemorar a vitória da Bahia sobre o vírus. Mas depende de você e depende de nós. Não baixe a guarda. Vamos continuar em isolamento até o final da semana”.

Boletim estadual

Na noite desta quarta, após atualização da Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab), a Bahia já aparece com mais de 15 mil casos da Covid-19 e 531 óbitos confirmados. Veja o boletim completo aqui.

0 0 voto
Article Rating