Professores da Uneb decidem pela continuidade da greve

Os docentes ainda formularam uma nova contraproposta para ser enviado ao Governo do Estado.

Foto: Divulgação

A aprovação pela continuidade da greve dos professores da Universidade do Estado da Bahia (Uneb) aconteceu durante assembleia realizada na manhã desta terça-feira (4). Na ocasião, os docentes ainda formularam uma nova contraproposta para ser enviado ao Governo do Estado e uma nova reunião com representantes sindicais é aguardada pela categoria.

De acordo com os professores, na contraproposta está sendo estabelecido o que precisa ser atendido pelo governo ainda no período de greve e o que poderá ser levado à Mesa Permanente de Negociação.

A nova proposta quer o pagamento, antes do final da greve, de 5,9% de reajuste no salário base no ano de 2019. Além disso, reivindica o compromisso do governo de discutir na mesa de negociação um cronograma para reposição das perdas salarias de 2015 a 2018, ao longo dos próximos quatro anos (até o final de 2022).

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*