Regina Duarte comenta convite de Bolsonaro para a Secretaria da Cultura

A atriz afirmou que tomará a decisão até a próxima segunda-feira (20).

Foto: Divulgação

A atriz Regina Duarte falou, pela primeira vez, sobre o convite do presidente Jair Bolsonaro para que ela assuma a Secretaria de Cultura. A pasta está vaga após o ex-secretario Roberto Alvim ser exonerado por ter citado o ministro nazista Joseph Goebbels, em discurso. As informações são do jornal Metrópoles.

À Jovem Pan, Regina Duarte revelou de que forma ocorreu o convite: “o presidente me ligou. Fiquei muito honrada e surpresa. Falei que não estou preparada, mas ele rebateu dizendo para eu me preparar. Ele falou ‘quero você’”.

A atriz afirmou que tomará a decisão até a próxima segunda-feira (20), quando dará a resposta a Bolsonaro. Segundo Regina Duarte, o presidente relatou que “tem muita força em torno da indicação dela”.

Este não é o primeiro convite à atriz. “Quando fui visitar o então candidato Bolsonaro, ele me fez o convite. Eu brinquei: não me convida, porque não quero o constrangimento de recusar. Não me sentia preparada. É uma secretaria muito difícil, muito complicada. Agora, estou pensando em coisas que pensei que não estaria pensando agora”, falou.

1 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*