Rodoviários de Vitória da Conquista mantém greve

Trabalhando com 30% da frota, os rodoviários de Vitória da Conquista, região sudoeste da Bahia, mantém a greve por tempo indeterminado, iniciada na noite de sexta-feira (19). A principal reivindicação dos trabalhadores é o reajuste salarial. Ao todo, são 900 funcionários entre as duas empresas que rodam na cidade: Viação Vitória e Viação Cidade Verde.
Segundo o sindicato, neste domingo (20), apenas 30% da frota está em circulação, o que significa 24 coletivos de cada empresa operando no município.
A categoria está em campanha salarial e pede reajuste de 10%. Segundo o sindicato, as empresas ofereceram 8,34% tanto no salário, quanto nos tickets, mas a categoria não aceitou. A rodada de negociação mais recente entre rodoviários e empresários ocorreu na tarde de sexta-feira, sem acordo.
Segundo o advogado Victor Marcondes, que representa as empresas de ônibus, a proposta seria oferecer os 8,34% e chegar aos 10% após um reajuste no preço das passagens, que segundo ele, já está previsto.