Em estado de greve deste a última quinta-feira (11), rodoviários de Salvador podem suspender as atividades a partir desta quarta-feira (17). Tudo depende do resultado das reuniões que devem ocorrer nesta segunda (15) e terça (16), na capital baiana.

“Se for acontecer greve, haverá envio de edital, aviso à população, mas a gente não descarta a paralisação porque estamos em campanha salarial. A paralisação é uma das armas que a gente tem.”, informou o vice-presidente do Sindicato que representa a categoria, Fabio Primo.

Ainda de acordo com o representante dos rodoviários, a categoria está tentando acordo com o patronal. Nesta segunda (15), eles se reúnem com Fábio Mota, secretário de Mobilidade de Salvador, na sede da Secretaria, localizada em Amaralina.

Já na tarde desta terça (16), haverá reunião com o Setps (Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Salvador), com mediação do Ministério Público do Trabalho.

Eles reivindicam manutenção do posto do cobrador e aumento salarial com base na inflação, com ganho real.

0 0 voto
Article Rating