“Se eu não aparecesse na vida do Bahia, o Bahia tinha acabado”, dispara Paulo Carneiro

O candidato a presidência do Vitória, Paulo Carneiro, que encabeça a chapa “Vitória Gigante Unido e Forte”, em entrevista ao programa Garra do Leão, da rádio Metrópole FM, neste sábado (20), falou sobre suas proposta e suas primeiras atitudes caso seja eleito nas eleições que ocorrerá no dia 24 de abril.

Sobre o futebol feminino, PC afirmou que só ‘cumprirá a lei’: ” O Vitória não tem dinheiro para sustentar o futebol masculino, vai ter projeto para o feminino? Se eu for eleito eu não posso permite que
duas classes de futebol totalmente antagônicas dividam o mesmo lugar. O time já existe, para ter um time não precisa ter projeto.” argumentou Paulo Carneiro.

Quando argumentado sobre a lei do PROFUT (Programa de Modernização da Gestão e de Responsabilidade Fiscal do Futebol Brasileiro), que exige um time de futebol feminino aos participantes da Libertadores e da Copa Sul-Americana, o candidato afirmou que vai ‘cumprir apenas a lei’: “O time já existe, vamos cumprir a lei, apenas.

Paulo também comentou que pretende fazer negociações com o futebol do exterior.

“Nós pretendemos invadir o cenário invadir o futebol Sul-americano, vamos buscar novas revelações do Sub 18 dando preferencia ao mercado equatoriano e colombiano. Estabelecer minhas parcerias no mercado americano no Norte, para migrar jogadores para times da segunda linha, Sub-20, para clubes da USL (Liga de futebol profissional nos Estados Unidos).

Paulo Carneiro finalizou a entrevista dando uma alfinetada no seu maior rival, o Bahia. Clube no qual atuou como diretor de futebol no final de 2008, logo após sua saída do Vitória.

PC em 2008, junto com Binha de São Caetano enrolados na bandeira do Bahia

“Se eu não aparecesse na vida do Bahia, o Bahia tinha acabado. Quando cheguei no clube não tinha água, nem tinha estrutura de treinamento, não existia academia. Os colchões eram finos, e facilmente estragava as colunas dos atletas. O Bahia tem que agradecer, eu permitir que o Bahia vivesse para voltar e ganhar deles”, encerrou PC.

82 Comentário

  1. Conversando de mais, quero saber é do Vitória voltar a série A urgente na raça isso sim, não quero saber de nada só faça o Vitória chegar entre os 4, não quero nem saber de você i de ninguém o que fez ou deixou de fazer, o time tem que subir é o que interessa, pouca conversa.

  2. É por isso que essas galinhas fugona so traz esses caras que quer polemicas provocações e resenha Paulo aruela vai se estuda as coisas esta mudadas mas eu quero que vc va pro vice pra agente bater em vcs e ainda serem rebaixados pra serie c

  3. Esse babaca se se apareceu como dirigentes agradeço a confiança quê Paulo Maracujá deu a Nilton Mota sabendo quê o clube estava com problemas na base em 1992 roubou os melhores jogadores ele torce para o mamão com açúcar mas respira e sobrevive Bahia ele é tão desonesto quê foi pra justiça do trabalho tirar dinheiro do clube quê ele torce quê sempre tirou do Vitória esse desonesto

  4. em fim pobre de espírito esse rapaz fez nome com a.base criada pelo Bahia q o mesmo roubou na surdina que grande trabalho ele fez.e outra pegou o Bahia.com sérios problemas financeiros aí fica lindo né Paulo galinha você não fez base alguma teve foi o projeto já encaminhado que seu Nilton Mota foi seu cúmplice e colocou de mão beija em suas patas sem mais…….

  5. Futebol hoje uma Atividade Financeira altamente rentável ainda sem a fiscalização devida. O tal Paulo Carneiro não está errado quando disse que foi para o E.C.BAHIA apenas ganhar dinheiro, afinal ele fez o mesmo com E.C.VITORIA e deixou lá um rombo tão grande que até hoje o clube não mais se estabilizou. Quanto ao dirigente nunca passou de um arrogante, prepotente, com reconhecida ausência de caráter, aliás ele mesmo numa entrevista ao Programa dominical de TV local afirmou que já comprou a defesa inteira de um time, dentre tantas merd.. que fez no futebol, agrediu o goleiro FELIPE do forma racista do seu proprio time. Agora ele volta ao Vitória na Serie B, assim como em 2005 deixou o clube na Série C. Ele voltou será também para ganhar dinheiro? Jogar a culpa no goleiro Caique pelas falhas e quem sabe chama-lo de preto, safado e vagabundo para encobrir o verdadeiro Paulo Carneiro, que não engana mas ninguem

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*