Se virar embaixador nos EUA, salário de Eduardo Bolsonaro irá dobrar

Segundo o Itamaraty, a remuneração bruta para o cargo de embaixador nos Estados Unidos é de US$ 18.216,25.

Foto: Divulgação

Além do status e da possibilidade de morar nos Estados Unidos, financeiramente também será bom negócio para o deputado federal Eduardo Bolsonaro virar embaixador do país norte-americano. Caso ele seja nomeado para o cargo, seus vencimentos irão dobrar.

Segundo o Itamaraty, a remuneração bruta para o cargo de embaixador nos Estados Unidos é de US$ 18.216,25, o que equivale a R$ 68.546,57.

Esse valor considera que Eduardo levará a esposa, Heloísa Wolf Bolsonaro, com quem se casou em maio. O embaixador em Washington, casado, tem direito a um auxílio familiar de US$ 958,75 mensais, ou seja, R$ 3.607,71.

6 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*