Sistema de transporte de Camaçari é discutido durante sessão da Câmara Municipal

Na oportunidade, foi discutido o aumento da tarifa dos ônibus do município, a situação dos táxis e do transporte ligeirinho.

Divulgação

Aconteceu nesta terça-feira (16), no Teatro Alberto Martins, a sessão da Câmara de Vereadores de Camaçari que discutiu as modificações implementadas no transporte público do município. Na oportunidade, foi discutido o aumento da tarifa dos ônibus do município, a situação dos táxis e do transporte ligeirinho.

Em entrevista ao Bahia No Ar, o presidente da Câmara Municipal, o vereador Jorge Curvelo, falou sobre como foi o andamento da audiência. “O evento foi proveitoso, porque tiramos as dúvidas do público que esteve aqui. Pudemos colher sugestões para que pudemos buscar melhorar a qualidade do nosso transporte público. O nosso propósito é trazer qualidade de vida para o nosso povo. Tenho certeza que breve os resultados serão mostrados à população”, disse o vereador.

Estiveram presentes na audiência pública, além dos vereadores da Casa Legislativa, os representantes das cooperativas Cooastac e Cooperunião; o secretário de Governo de Camaçari, José Gama; o superintendente Superintendência de Trânsito e Transporte Público (STT), coronel Alfredo Castro; além da população de Camaçari.

1 Comentário

  1. Essa passagem de camaçari e região metropolitana é uma vergonha vereadores, vcs q deram esse aumento, a cantada final foi de vcs? Como pode de barra de pujuca/ a jamacaru custar 5,50, meus DEUS e meter a mão no nosso bolso,salvador aumentou 40 centavos por passagens, aqui 1,10 ? Como pode isso? Outra VC pega dias Dávila/ Itapuã paga 5,50 aí sim é real vereadores?além da passagem caríssima esse transporte ruim e precário q eles empresário nos oferece? Ônibus caindo os pedaços, sujus, imudos quebram toda hora e nos deixa a desejar. Pelo amor do nosso DEUS, vcs vereadores tem q estudar e avaliar essses valores dessa passagem da região metropolitana blz, grato;.

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*