Vitória passa pelo goiás e pega vasco nas quartas da copa do Brasil

Com uma larga vantagem construída na primeira partida realizada em Salvador, quando venceu por 4 a 0, o Vitória visitou o Goiás e empatou pelo placar de 2 a 2 no Serra Dourada, eliminando a equipe esmeraldina e avançado às quartas de finais da Copa do Brasil, quando enfrentará o Vasco da Gama, que hoje à tarde eliminou o Corínthians do Paraná.

Precisando golear por cinco gols de diferença, o Goiás entrou em campo com três atacantes, mas foi do Vitória a primeira boa oportunidade de gol, quando com apenas dois minutos, Bida fez jogada individual e tocou por cobertura.

A resposta do Goiás foi fatal, e aos cinco minutos Douglas cruzou na área, a bola bateu no braço de Nino Paraíba e o árbitro Leonardo Gaciba marcou pênalti.

Felipe cobrou e marcou o primeiro do verdão.

Goiás 1×0 Vitória.

O Vitória manteve a calma e cresceu em campo, passando a criar boas oportunidades de gol, até que aos 16 minutos, o baixinho Uelliton aproveitou cruzamento na área em falta cobrada por Elkeson, subiu sozinho e cabeceou para o chão, sem chances para Harley.

Goiás 1×1 Vitória.

O técnico interino do Goiás, Wladimir Araújo mexeu na equipe com apenas 30 minutos do primeiro tempo, sacando o ala Douglas, puxando Romerito para a lateral e colocando mais um atacante, o Rafael Moura.

Com espaços, o Vitória jogava nos contra-ataques, em uma dessas jogadas, Bida avançou pela direita e rolou para Elkeson chutar para fora.

Ricardo Silva também mexeu na equipe, mas por ordem médica.

Nino Paraíba deixou o campo machucado e eme seu lugar entrou Marcos Pimentel.

De tanto pressionar o Goiás acabou marcando mais um gol, em cochilo do sistema defensivo do Vitória.

Felipe aproveitou o espaço deixado por Egídio e cruzou da direita encontrando Fernandão livre para cabecear.

Goiás 2×1 Vitória.

O gol deu novo ânimo ao Goiás que passou a acreditar num resultado quase impossível e a equipe esmeraldina voltou a marcar, mas o atacante Everton Santos estava impedido.

Aos 41 minutos, Egídio fez cruzamento perfeito para Júnior, que subiu entre dois zagueiros e cabeceou para as redes, decretando novo empate na partida.

Goiás 2×2 Vitória.

O Goiás voltou para o segundo tempo com mais uma substituição.

Fábio Bahia entrou na lateral direita, Romerito voltou ao meio campo e Túlio deixou o gramado.

Aos 16 minutos Felipe deixou o campo para a entrada de Mateus, enquanto Wallace, também machucado, saiu para a entrada de Vilson.

O Vitória continuou jogando nos contra-ataques, mas pecando nas finalizações.

Aos 23 minutos, Bida recebeu passe na área, mas chutou pela linha de fundo.

Entregue em campo, o Goiás apenas toca a bola sem nenhuma criatividade, enquanto o Vitória apresenta um futebol mais objetivo.

Egídio cruzou da esquerda e Júnior cabeceou rente à trave e no final da partida Bida desperdiçou mais uma chance de frente para o gol.

Apesar dos erros de finalizações, Bida voltou a jogar bem e criou diversas oportunidades de gols.

No final do segundo tempo o técnico Ricardo Silva sacou Elkeson para a entrada de Fernando, apenas para dar ritmo de jogo ao meia, já que não havia necessidade de fechar o time.

O próximo adversário do Leão será o Vasco da gama e o primeiro confronto está programado para o Barradão, faltando definir ainda a data e o horário da partida.